Menu
Busca Qui, 23 de setembro de 2021
(67) 9.9928-2002
STF

Professor é preso pela PF em Santa Catarina após determinação do STF

Segundo informações do advogado do professor, a prisão preventiva foi determinada pelo ministro Alexandre de Moraes

06 setembro 2021 - 06h00Por SCC

Neste domingo (5), a Polícia Federal cumpriu um mandado de prisão contra um professor que mora em Otacílio Costa, na Serra Catarinense. De acordo com informações de Silvano Antunes, advogado de defesa do homem, a determinação da prisão veio do Supremo Tribunal Federal (STF) e foi expedida pelo ministro Alexandre de Moraes.

De acordo com o advogado, o professor supostamente participou de uma live com diversas pessoas, na última sexta-feira (3), onde foi abordado o assunto dos atos do dia 07 de setembro. Segundo a decisão do STF, o professor estaria supostamente convocando a população para “prática de atos criminosos e violentos”.

Polícia leva publicitário para delegacia por insultos e ameaças a Alexandre de Moraes

O homem esteve na Polícia Federal, foi ouvido, o advogado foi acionado e o professor foi encaminhado para o Presídio Regional de Lages onde ficará à disposição da Justiça.

O advogado afirmou que ainda não teve acesso a todos os autos do processo.

Com informações da repórter Schaina Marcon

Deixe seu Comentário

Leia Também

Fogo
Combate aos incêndios no Pantanal mobiliza 510 homens e seis aeronaves: incidência de focos é menor em três anos críticos
Eleição 2022
Senado aprovou novo Código Eleitoral e vai à sanção presidencial.
Economia
Dólar fecha acima de R$ 5,30 após anúncio do Banco Central americano
CPI da Covid
CPI: diretor da Prevent Senior é acusado de mentir e passa à condição de investigado
Brasíl
Sem coligações, CCJ do Senado aprova PEC da reforma eleitoral
Polícia Federal
A Operação Apate cumpre mandados em São José dos Campos
Brasilia
CPI da Covid-19; início da sessão com "rasgação de seda" entre senadores da oposição tentando reverter a impressão negativa da briga causada por senadora e ministro
Brasília
Briga na CPI: presidente da CPi fala que Bolsonaro causa vergonha, senador Marcos Rogério rebate dizendo que a CPI da Covid que faz vergonha a muito tempo.
Tempo e temperatura
Primavera começa com tempo claro e ensolarado em Mato Grosso do Sul
Brasília
CPI termina com sessão em briga, agressão verbal entre senadores e Ministro da CGU.