Menu
Busca Sáb, 15 de maio de 2021
(67) 9.9928-2002
INTERIOR

Acompanhada do pai, jovem invade casa e morde ex-marido por não aceitar fim de relacionamento

Por Carol Assis
Uma mulher de 22 anos fugiu da residência do ex-marido após ameaçar, morder o braço da vítima, de 36 anos, além de arranhar e dar tapas e chutes, de acordo com a polícia. O caso ocorreu nesta terça-feira (24), na região central de Anastácio, a 126 km de Campo Grande. Há pouco, a suspeita foi presa e está prestando depoimento na delegacia do município.

Conforme o registro da ocorrência, ela estava acompanhada do pai, quando invadiu a residência na rua Coronel Ponce. O homem disse que ela chegou alterada e dizendo que ele morreria caso tivesse outro relacionamento. A vítima alegou que na casa estava a mãe dele e um advogado, sendo que presenciaram a cena. O casal viveu junto por cerca de seis anos.

A vítima também alegou que teve de segurar a mulher, momento em que recebeu mordidas. Neste momento, o pai da jovem também entrou no local e tentou segurá-la, ainda conforme a investigação. Em seguida, ambos fugiram.

O advogado que estava no imóvel ligou para a Polícia Militar. Já a vítima foi para a delegacia e disse que deseja representar criminalmente contra a ex-mulher. O caso foi registrado como ameaça, lesão corporal dolosa e violação de domicílio.
violência contra a mulher

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tempo e temperatura
MS tem predomínio de tempo seco e calor de 36°C para a região pantaneira
Covid 19
Dezenas de corpos de possíveis vítimas da covid aparecem na Índia
Campo Grande
Moradores de bairros reclamam de sujeira e insegurança em Campos Grande
Saúde
Após ultrapassar mais de seis mil mortes, MS registra 653 novos casos da Covid-19
Mato Grosso do Sul
Novos secretários da Casa Civil e da Cidadania tomam posse nesta segunda-feira
Campo Grande
Infestação de pragas urbanas alarma moradores de Campo Grande
Vacina
Mato Grosso do Sul recebe novo lote de vacina da Pfizer nesta segunda-feira
F1
Hamilton sobre GP da Espanha de F1: “Aprendi muito sobre Max hoje”
Poluição
Marinha: três navios são suspeitos por manchas de óleo no NE em 2019
Saúde
Fiocruz: pandemia de covid-19 faz vítimas cada vez mais jovens