Menu
Busca Sb, 22 de fevereiro de 2020
(67) 9.9928-2002
Assassinato

Corpo de um jovem foi encontrado com sinais de tortura

Ações governamentais em segurança pública na fronteira é zero, disse um comerciante da região

16 agosto 2019 - 19h00Por Bronca policial

Por volta das 7 horas da manhã populares da região de Ponta Porã avistaram um corpo com pés e mãos amarrados. A cabeça estava dentro de um saco plástico.

Ao acionarem a polícia e o serviço de transporte de cadáveres, constatou-se que havia nove perfurações de balas 9mm.

Até o presente momento a Polícia civil e militar não divulgou a identidade da vítima de tortura e assassinato.

Essas ocorrências são vistas com naturalidade pela população da fronteira, onde o medo e a insegurança têm à todos como reféns.

A fronteira do Brasil com o Paraguai vive momentos de total insegurança. A ida do Ministro da Justiça do Brasil e do Paraguai foi apenas um ato de marketing pífio e sem nenhum efeito benéfico para a população.

viaturas policiais no local do crime

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Reuters se junta ao Facebook no combate à desinformação na rede social
Geral
Quase mil passageiros desembarcam do navio afetado pelo coronavírus
Carnaval
Escolas de samba movimentam economia durante todo ano no Rio
Geral
Julgamento de Assange começa na segunda-feira
Politica ou Politicagem ?
Solidariedade expulsa vereador que liderou motim da PM no Ceará
Ceará
Carnaval é cancelado no Ceará
Política
Guru do presidente está internado nos Estados Unidos
Fronteira
Operação Alba: 10 pessoas foram presas nesta madrugada em PJC
Polícia
ABRAJI informa que pistolagem usou a mesma arma para jornalista e outras pessoas
Ceará
Reforço de segurança nacional e exército chega ao Ceará