Menu
Busca Ter, 27 de outubro de 2020
(67) 9.9928-2002
INTERIOR

Dois mil condutores foram afetados por bloqueios em rodovias, diz PRF

10 abril 2018 - 20h00Por Redação Notícias VIP
A PRF (Polícia Rodoviária Federal) estima que cerca de 2 mil condutores foram afetados com o bloqueio de manifestantes por três rodovias de MS, nesta terça-feira (10). Os integrantes do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) bloquearam as rodovias em protestos contra a prisão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), conforme apurou o órgão.

A última rodovia a ser liberada, depois de 8 horas de protesto foi o quilômetro 44 da rodovia BR-262 (próximo ao trevo para Dois Irmãos do Buriti), encerrado 14h10. Na região, os manifestantes também reivindicavam a desapropriação de uma fazenda para a reforma agrária.

Anteriormente foram liberados o trecho 104 (trevo para Icaraíma) da BR-163, as 12h30, e o km 126 (trevo para Nova Andradina) da BR-267, encerrado às 13h30. Durante os protestos a PRF instalou gabinete para intermediar negociações para liberação.

Os manifestantes foram ouvidos e por meio da PRF foram realizados os contatos com MPF, AGU e INCRA para tratar das demandas do movimento. Os agentes preveniram também qualquer tipo de desentendimentos entre motoristas e manifestantes, além de terem feito a sinalização ao final da fila nos locais com maior risco de acidentes.
news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Fortaleza-CE
PF realiza operação contra suspeito de fraudar Auxílio Emergencial
Brasil
PF combate grupo criminoso que atuava com garimpo ilegal em Pernambuco
Brasil
Apresentador achado em RR teve braços quebrados e amarrados
Brasil
Cresce 60% o número de cidades com mais eleitores que habitantes
Lava Jato
"Tive câncer no estômago", diz João Santana, marqueteiro de Dilma e Lula
Campo Grande
Justiça retira Harfouche da campanha para prefeito de Campo Grande
Polícia
PF prende auditor da Receita que jogou notebooks no lixo em operação contra propinas da Qualicorp e da Rimo
Willians Gonçalves Nogueira foi alvo de buscas da Operação Triuno, assim como os fiscais Roberto Augusto Ribeiro e Eli Guedes da Silva
STF
Tese proposta no STF dificulta contratação de advogados sem licitação, diz OAB
Brasil
CMN aprova regulação simplificada para projetos inovadores
Operação Omertà
Ex-guarda municipal é solto, mas com tornozeleira.