Menu
Busca Ter, 03 de agosto de 2021
(67) 9.9928-2002
Interior

Famílias de Paranaíba receberam o título de propriedade da casa

22 fevereiro 2021 - 16h00Por AB/ PMS

Vinte cinco famílias do município de Paranaíba receberam o título de regularização fundiária no paço municipal. A cerimônia ocorreu na última sexta-feira (23.02); medidas para prevenir a propagação do coronavírus foram adotadas.

A parceria entre Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul – Agehab e Prefeitura Municipal de Paranaíba com colaboração dos beneficiários, resulta na queda de registros de imóveis irregulares. O “Termo de Cooperação” garantiu escrituras para as famílias de baixa renda, de forma gratuita, do Bairro Jardim das Paineiras.

Não há palavra que descreve tamanha felicidade de Vaneide Freire da Silva. Agora a secretária e sua família podem afirmar que “o imóvel é nosso”. Ela foi uma das primeiras a receber o documento em mãos. “É uma satisfação enorme! Demorei dez anos para garantir essa escritura, mas graças a Deus todo o trabalho desenvolvido e todas as partes envolvidas, tornaram esse momento muito especial para mim”, comemorou ela.

Documentos entregues durante a solenidade

Realizaram às entregas, a diretora-presidente da Agehab Maria do Carmo Avesani Lopez, a vice-prefeita Roseli Martins, a secretária de obras Milene Oliveira Nagliati e o vice-presidente da Câmara Municipal Marcos Henrique de Camargo Silva. Um representante da cada família compareceu na solenidade.

Durante as falas, Maria do Carmo Lopez fez questão de explicar como a regularização agirá daqui em diante. A ação influência até no PIB per capita, o Produto Interno Bruto, local.

“Com este espírito de parceria, quem ganha é a população. E é o nosso dever como gestor público fazer o que há de melhor para as famílias, então o trabalho da regularização fundiária garante ganhos para todos. As famílias ganham porque adquiriram título de propriedade do imóvel e o município ganha por causa da regularidade que, em casos de venda, resultará no imposto de transmissão. Com a documentação, a casa vale, praticamente, o dobro do que valia antes”, discursou a diretora-presidente.

Davi Nunes Souza, Agehab

Foto: assessoria de comunicação da Prefeitura de Paranaíba

vacina sim

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mato Grosso do Sul
Inscrições prorrogadas para a segunda edição do Prêmio Inova
Oportunidade
Estão abertas as inscrições para curso de idiomas na UEMS
Brasília
PP não vai aceitar filiação de Bolsonaro
Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana