Menu
Busca Seg, 01 de março de 2021
(67) 9.9928-2002
OPINIÃO DO MINISTRO

Em Davos, Moro dirá que a corrupção abala a confiança no mercado

E ‘não apenas em governos’ Globalização fica ‘injusta’

21 janeiro 2019 - 13h30

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, dirá no Fórum Econômico Mundial que “a corrupção alimenta a desconfiança não apenas em governos, mas também no mercado”.

Ex-juiz e antigo responsável pelos processos em 1ª Instância da Lava Jato em Curitiba, Moro será uma espécie de trunfo do presidente Jair Bolsonaro para dizer que o governo terá no combate à corrupção uma de suas bandeiras.

Até o momento, porém, o ministro nada falou sobre as movimentações atípicasna conta do senador eleito e filho do presidente da República, Flávio Bolsonaro (PSL-RJ).

O discurso do paranaense reforçará o papel do ministro da Economia, Paulo Guedes, que tenta vender a agenda econômica do governo para a comunidade internacional.

O governo apresentará uma “agenda corretiva” com 3 pilares:

- reforma da Previdência;

- privatizações, concessões e venda de ativos imobiliários;

- reforma administrativa.

O tema desta edição do fórum é “Globalização 4.0: Moldando uma arquitetura global na era da quarta revolução industrial”. O ex-magistrado dirá que “a corrupção compromete a globalização e a torna injusta”. O ministro participa de 1 painel na 5ª feira (24.jan.2019) sobre crime globalizado.

O Fórum Econômico Mundial está em sua 39ª edição. Bolsonaro discursará na 3ª feira (22.jan), na sessão plenária do Fórum. O principal tema a ser pautado são as reformas econômicas. Estava prevista para o dia uma entrevista à imprensa, que sumiu da agenda de Davos.

A comitiva terá, além de Moro e Guedes, outros 3 ministros: Ernesto Araújo (Relações Exteriores), Augusto Heleno (GSI) e Gustavo Bebianno (Secretaria-Geral da Presidência).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

fonte:poder360

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasíl
Mês de março tem Dia da Mulher, início do outono e Dia da Água
Brasíl
Sem acordo, Lira cria comissão especial para discutir PEC da imunidade
Leão
Prazo para entregar declaração do Imposto de Renda começa hoje
Campo Grande
A sujeira virou tradição em Campo Grande
Oportunidade
Evento on-line da Sedhast para os 79 municípios de MS começa nesta segunda-feira
Campo Grande
Prefeitura gasta muito recurso público, mas não consegue resolver problemas de semaforizacão, causando riscos e prejuízo à população.
Geral
Temporada de pesca começa com cota de 2020 valendo: um exemplar e cinco piranhas
Tempo
Março terá acumulados de chuva e calor acima da média em Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Presidente do TJ recebe visita do Cônsul da República do Líbano
Covid 19 em MS
SES inicia tratativas para evitar que nova variante do coronavírus chegue no Estado