Menu
Busca Qua, 22 de setembro de 2021
(67) 9.9928-2002
Pantanal

Bombeiros reforçam combate aos novos focos de incêndios no Pantanal

04 novembro 2020 - 17h00

Bombeiros de Corumbá, Aquidauana e Jardim se deslocaram nesta quarta-feira, de barco, para a área de concentração de focos de calor na região entre a Serra do Amolar e o Parque Nacional do Pantanal, na divisa de Mato Grosso do Sul e Mato Grosso.

Os incêndios florestais, depois de extintos no começo de outubro, reacenderam devido ao baixo índice de chuvas previstas para o período. Os focos estão localizados nas matas ciliares dos rios Paraguai e Cuiabá, que margeiam o parque de 138 mil hectares, na reserva Acurizal e em direção da Ilha Ínsua, área demarcada dos índios guató, na fronteira com a Bolívia.

Brigadistas já iniciaram o trabalho na região do foco de queimada no Pantanal

O fogo está sendo combatido por brigadistas da unidade do Prevfogo do Ibama em Corumbá e por funcionários das organizações não-governamentais (ONGs) que gerenciam unidades de conservação. O grupo de bombeiros, formado por dez homens, percorrerá cerca de 300 km de barco, em sete anos, para chegar a área crítica.

Pouca chuva

“Vamos reavaliar a situação, com sobrevoos e levantamentos de campo, para em caso de necessidade de reforçar o combate com o apoio inclusive aéreo”, informou o coordenador da operação, tenente-coronel bombeiro Luciano Alencar, comandante do grupamento do CB/MS em Corumbá.

A chuva amenizou a situação, mas focos de incêndio continuam a surgir na Serra do Amolar

Segundo as ONGs que atuam na região, o fogo se alastra há mais de uma semana no sentido Norte e Noroeste, entre Corumbá e Poconé (MT). Alguns focos de calor foram provocados por raios que ocorrem em grande incidência na morraria.

Foram registradas fortes chuvas no entorno da Serra do Amolar, contudo insuficientes para garantir umidade nas áreas castigadas pela seca extrema deste ano no bioma. Segundo previsões meteorológicas, as precipitações em novembro devem  se concentrar na região Norte do Estado.

Texto e fotos: Sílvio de Andrade 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Eleição 2022
Senado aprovou novo Código Eleitoral e vai à sanção presidencial.
Economia
Dólar fecha acima de R$ 5,30 após anúncio do Banco Central americano
CPI da Covid
CPI: diretor da Prevent Senior é acusado de mentir e passa à condição de investigado
Brasíl
Sem coligações, CCJ do Senado aprova PEC da reforma eleitoral
Polícia Federal
A Operação Apate cumpre mandados em São José dos Campos
Brasilia
CPI da Covid-19; início da sessão com "rasgação de seda" entre senadores da oposição tentando reverter a impressão negativa da briga causada por senadora e ministro
Brasília
Briga na CPI: presidente da CPi fala que Bolsonaro causa vergonha, senador Marcos Rogério rebate dizendo que a CPI da Covid que faz vergonha a muito tempo.
Tempo e temperatura
Primavera começa com tempo claro e ensolarado em Mato Grosso do Sul
Brasília
CPI termina com sessão em briga, agressão verbal entre senadores e Ministro da CGU.
CPI no Senado Federal
A diferença de pensamento entre os Ministros do STF, Carmen, Nunes Marques e Rosa Weber.
Ministros divergem sobre obrigação de convocados à CPI da Covid