Menu
Busca Sáb, 06 de março de 2021
(67) 9.9928-2002
BBB 19

BBB 19: Luisa Mell pede Maycon fora por suposta crueldade contra animais

uisa Mell se revoltou e compartilhou o pedido: "Me ajudem a tirar este idiota?"

20 janeiro 2019 - 14h16
A apresentadora Luisa Mell usou seu Instagram para pedir a eliminação de Maycon, do BBB 19. Dentro da casa do Big Brother Brasil, o participante fez comentários em que deu a entender que já maltratou gatos em sua infância.
 
"Já viu gato? Você coloca um adesivo do lado aqui no gato e ele fica andando assim [gesticula enquanto ri]. Nunca fez isso? Já amarrou bombinha no rabo dele?", afirmou Maycon no referido momento.
 
 
Diante da reação negativa por parte dos outros confinados, se resignou: "Ah, cês nem teve [sic] infância".
 
Luisa Mell se revoltou e compartilhou o vídeo com um pedido: "Me ajudem a tirar este idiota?".
 
Atualmente, Maycon está no Super Paredão do BBB 19. Nele, 14 participantes correm o risco de eliminação já na primeira semana: o público vota em quem quer que fique e o menos votado está fora da casa.
"Inacreditável! Isso não é coisa de criança. Isso é crueldade! Vamos tirá-lo? Fora Maicon", concluiu.
 
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mortes por Coronavirus no Brasil
Brasil virou referência de bagunça de politicos, vírus, infeção, falta de estrutura e mortes.
Vacinação
Politicagem e desordem
Economia
Empresas do setor de turismo do MS já podem acessar as linhas de crédito do Fungetur
Campo Grande
Alerta em Campo Grande
Covid 19 em MS
Governo de MS culpa prefeitos por avanço do coronavírus e diz que decisão de lockdown cabe a municípios
Ao contrário de outros Estados, MS decretou apenas toque de recolher às 23h
Campo Grande
Moradores se revoltam contra Trad por sujeira e mato nos bairros da capital
Gestão Pública
Governo inicia mais uma etapa para tornar gestão mais eficiente e qualificar serviços
Esporte
Bolsa Atleta e Bolsa Técnico seguem com inscrições abertas até 12 de março
Digital
Detran Digital: Em um ano, número de CNHs emitidas pelo Portal Meu Detran cresce 45%
Evangélicos
Baixaria na igreja