Menu
Busca Qui, 20 de junho de 2019
(67) 9.9928-2002
dourados

Confirmada violência sexual contra estudante em festa universitária

21 março 2018 - 19h09
O exame pericial realizado para confirmar a acusação de estupro contra uma estudante de 17 anos, em Dourados, foi confirmado hoje (21) pelo delegado regional da Polícia Civil, Lupérsio Degerone. O fato aconteceu no dia 19 de março, durante uma festa promovida por acadêmicos, depois da arrecadação feita no trote universitário, junto a Avenida Indaiá. 

A informação é de que a jovem participou dos festejos, sofreu a violência e foi levada para unidade hospitalar do município em coma alcoólico. Quando a mãe chegou ao local encontrou a garota vestida com roupas masculinas e as vestimentas íntimas tinham vestígios de sangue. Questionada, aadolescente não soube informar o ocorrido e nem se lembra do que aconteceu antes do desmaio. 

Segundo apuração do Dourados News, a autoria do crime ainda não foi identificada, mas, o delegado informou que colegas da vítima serão ouvidos, bem como organizadores da festas e outras possíveis testemunhas. Câmeras de locais próximos a festa também serão utilizadas para esclarecimentos. 

"As investigações estão em andamento, a condução é pela DAM (Delegacia de Atendimento a Mulher) com a delegada Paula Ribeiro. Material masculino foi coletado para exames, as oitivas continuam, o andamento corre normalmente", afirmou o delegado Degerone, com destaque ainda ao fato de que as apurações abrangerão também o crime de fornecimento de bebidas alcoólicas para menores de idade. 

NOTA OFICIAL UFGD
De acordo com as informações relatadas pela mãe na ocorrência, a jovem iniciava curso na Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e participava das ações com veteranos e outros calouros. 
A Instituição de Ensino Superior divulgou em nota que está a disposição das autoridades para as investigações sobre o caso.

Foi acrescentado pela Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários e Estudantis (PROAE) que foi solicitado apoio da Polícia Militar para ações mais efetivas contra a realização dessas ações. 

Destacou ainda que "se for comprovada a participação de alunos da UFGD no caso, todas a medidas administrativas cabíveis serão tomadas, inclusive a abertura de um Processo Administrativo Disciplinar (PAD)".

Deixe seu Comentário

Leia Também

Nova Alvorada do Sul
Celular pega fogo e quase queima uma casa
Facção Criminosa Comando Vermelho
Luiz Queimado faleceu na Bahia
Dourados
A covardia e as consequências de escolher mal o namorado
Água Clara
Vereadora é cassada por corrupção
Nova Andradina
As pistas do MS são perigosas pala falta de manutenção e de motorista com imprudência
Bolsonaro esculhamba militar
BOLSONARO REAGE A SANTOS CRUZ E DIZ QUE GENERAL É 'PÁGINA VIRADA'
CORREIOS
Discursos, sem menor preocupação, servem para Bolsonaro se livrar de seus assessores
TECNOLOGIA
Google lançará aplicativo para competir com Whatsapp; novo sistema deve incomodar telefônicas
Armas, drogas e celulares
PCC assassinou dez pessoas do Clã paraguaio Rotela
Campo Grande, cadê o prefeito?
A incompetência de um prefeito causa tristeza e dor nas pessoas