Menu
Busca Qua, 16 de outubro de 2019
(67) 9.9928-2002
POLICIA

Carro roubado em MG é encontrado em MS com 1,5 tonelada de maconha e suspeito é preso

Motorista disse que receberia dinheiro para levar o veículo com a droga até outra cidade.

12 julho 2019 - 15h00

Um carro roubado em Minas Gerais foi encontrado quinta-feira (11), em Mato Grosso do Sul, com 1,5 tonelada de maconha. O motorista do veículo, de 36 anos, foi preso e disse aos policiais que receberia dinheiro para levar o veículo com a droga de uma cidade para outra.

O carro foi abordado pela Polícia Militar Rodoviária (PMR), na MS-156, em Amambai, a 332 quilômetros de Campo Grande, na região de fronteira com o Paraguai. No momento da abordagem, o veículo estava com placas da capital sul-mato-grossense e dentro os policiais encontraram outras duas de Goiânia e ainda 1.914 tabletes de maconha.

Conforme a polícia, o condutor do carro disse que pegou o carro em Amambai, de um desconhecido, e receberia dinheiro para entregar em Dourados.

A polícia suspeita que o destino final do veículo seria Goiás e que as placas encontradas no veículo seriam utilizadas para atravessar a divisa dos dois estados.

Com informações, G1.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Volta da ditadura nas redes sociais!
Olavo de Carvalho conclama e bolsonaristas começam campanha por ditadura e novo AI-5
Entretenimento
PM que se vestiu de Batman: “Comandante também ficou feliz”
Famosos
Messi recebe Chuteira de Ouro e diz priorizar Campeonato Espanhol
OPERAÇÃO OMERTA
Policial federal e mais sete envolvidos em milícia tem prisão preventiva decretada
Covardia
Policial flagra perseguição e 2 são presos após roubarem mulher que caminhava com namorado na Orla
"Morto estava vivo"
Morto grita para sair de caixão e leva familiares às gargalhadas
Policia
Polícia do Rio prende suspeito de usar gás para lavar dinheiro
18 toneladas
Polícia incinera em MS 18,3 toneladas de drogas apreendidas na região de fronteira em dois meses
Policia
Jovem cai em golpe pelo WhatsApp e deposita dinheiro para estelionatário em MS
Justiça
Acusado de matar ex-sogra em MS é considerado inimputável e irá para internação