Menu
Busca Sb, 07 de dezembro de 2019
(67) 9.9928-2002
Lésbicas

Casal de lésbicas matam criança filho de uma delas

30 novembro 2019 - 21h23Por Bom k no BO

 Um casal mulheres suspeito de agredir e matar uma criança de 3 anos em Nova Marilândia (MS) foi agredido ontem por outras internas na Penitenciária Feminina Ana Maria Couto May, em Cuiabá.

O garoto morreu na terça-feira (26) após apresentar sinais de maus-tratos supostamente cometidos, segundo a Polícia Militar (PM), pela mãe, Luana Marques Fernandes, de 25 anos, e a madrasta Fabíola Pinheiro Bracelar, 22 anos.

As presidiárias agrediram a mãe e a madrasta  suspeitas de matar a  criança com agressao.

No presídio  de nova-marilandia elas tomaram uma surra da comunidade carcerária.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ENERGISA
Energisa é campeã em desrespeito ao consumidor
Caso Daniel
A Justiça e uma coisa e Judiciário é outra coisa
Fronteira violenta
A cabeça foi cortada ao meio e estava com as outras partes do corpo no tambor.
Campo Grande
Para vender áreas públicas Trad vai acertar com vereadores
Campo Grande
Trad e seus vereadores remanejam 240 milhões
Campo Grande
Trad e suas taxas para o povo pagar
Fronteira
"Quero a cabeça de meu filho" disse a mãe desconsolada
Inflação
A carne foi o item que mais subiu o preço
Fronteira
Dois assassinatos nesta sexta na fronteira
Judiciário
O magistrado corrupto é um "câncer" no judiciário