Menu
Busca Sex, 30 de outubro de 2020
(67) 9.9928-2002
Investigação

Defesa não quer transferência de ex-PM suspeito da morte de Marielle

15 maio 2018 - 17h18Por Redação Notícias VIP
O advogado Pablo Andrade, que defende o ex-policial militar Orlando Oliveira de Araújo, conhecido como Orlando Curicica, vai entrar agora à tarde com um habeas corpus no Tribunal de Justiça para tentar reverter a decisão da 5ª Vara Criminal da Capital, que autorizou ontem (14) a transferência do detento para um presídio federal de segurança máxima fora do Rio.

Em depoimento à Delegacia de Homicídios, uma testemunha acusou Curicica de se articular com o vereador Marcello Siciliano (PHS) para o assassinato da vereadora Marielle Franco.

Andrade alega que Orlando Curicica ficará mais longe da família e sem ter um contato mais próximo com seus advogados.

O outro advogado de defesa, Renato Darlan, já tinha informado que Orlando Curicica havia sofrido uma tentativa de envenenamento no presídio de segurança máxima Bangu 9, além de ter sido ameaçado por outros internos. A partir daí, ele só fazia refeições trazidas pela família diariamente, o que era permitido, informou Darlan.

De lá, Curicica foi transferido para o presídio de segurança máxima Bangu 1, também no Complexo de Gericinó, onde está atualmente, mas, nessa cadeia, o preso não pode receber comida de fora, apenas a que é servida pelo Estado, informou a defesa.

Pedido de transferência
O MP alegou, em seu pedido, que a transferência é de grande relevância para o interesse da segurança pública, visando a inibir a atuação do preso e coibir eventuais associações criminosas, bem como quaisquer outras práticas que atentem contra o Estado e a população.

De acordo com a Justiça, Curicica é apontado como principal líder do grupo criminoso conhecido como Milícia de Jacarepaguá. O ex-PM é acusado da morte do ex-presidente da escola de samba Parque Curicica, Wagner Raphael de Souza, em 2015. O carro da vítima foi atingido por 12 tiros. Orlando Curicica também é acusado de comandar a milícia na Curicica e no Camorim, na zona oeste.
Fonte: Agência Brasil
news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Governador, partidos e bancada do Maranhão protestam contra piada homofóbica de Bolsonaro
Geral
Polícia prende quadrilha que levava e vendia veículos de locadoras na Bolívia
Polícia
Idoso morre atropelado na MS-141
MS
Polícia Militar Rodoviária lança Operação Finados 2020
Pedófilos
Professor de Direito e militar estão entre presos por pedofilia em Campo Grande
Política
Senado mantém indefinida posse do filho de Chico Rodrigues
Brasil
Covid-19: apesar de alta de casos, número de óbitos continua em queda
Brasília
Ministro da Economia diz que Mandeta é um irresponsável, como ministro da Saúde era só um animador de televisão.
Brasil
Apóstolo oferece grão de feijão que cura Covid 19
Política e crime
Pastor apontado como chefe do tráfico em Belford Roxo é preso; suspeito concorria à Câmara de Vereadores