Menu
Busca Dom, 16 de maio de 2021
(67) 9.9928-2002
crime

Dupla que matou travesti com 15 facadas em Campo Grande pega 26 anos de prisão

03 maio 2018 - 20h32Por Redação Notícias VIP
Dois homens que mataram a travesti conhecida como 'Penélope Charmosa' em novembro de 2015, em Campo Grande, foram condenados a um total de 26 anos e oito meses de prisão, na tarde desta quinta-feira (3).

Wesley Rocha Reis Bento, que teria golpeado a vítima pegou 14 anos e dois meses de prisão. Já Leandro da Silva Martins, que segurou a travesti enquanto o outro a esfaqueava, pegou 12 anos e seis meses de prisão.

O crime atribuído aos dois foi homicídio privilegiado, duplamente qualificado.

Conforme o processo, a vítima era travesti e se prostituía na região do bairro Universitário, região sul da Capital. Por ser mais velha, Penélope Charmosa cobrava aluguel das travestis mais novas para que usassem o ponto de prostituição.

A cobrança da taxa, de R$ 10,00, irritava as profissionais do sexo e era motivo de briga entre elas. Os dois homens que foram condenados eram casados com duas travestis que pagavam a Penélope para se prostituir.

No dia 25 de novembro, os dois autores do assassinato foram tirar satisfações com a vítima pelas cobranças. Eles passaram a discutir, quando Leandro a agarrou e Wesley a esfaqueou.

Somente Leandro esteve presente na sessão, já que Wesley está foragido. Ele disse que foi somente tirar satisfação com a vítima, mas ela teria tentado agredi-los com uma faca. Ele completou dizendo que segurou a vítima e fez com que ela soltasse a faca, mas o parceiro pegou a arma e atingiu a travesti.

Leandro teve a pena reduzida para 12 anos e seis meses por ter confessado o crime.
news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Produtores rurais de Campo Grande e região participam de manifestação pró-Bolsonaro em Brasília
MS
Rio Verde está na rota de eventos esportivos de aventura da Fundesporte
Falecimento
Eva Wilma morre em São Paulo, aos 87 anos Atriz estava internada desde 15 de abril
Tempo
Domingo de tempo firme e grande amplitude térmica em Mato Grosso do Sul
São Paulo
Bruno Covas perde luta contra o câncer e morre
Tempo e temperatura
MS tem predomínio de tempo seco e calor de 36°C para a região pantaneira
Covid 19
Dezenas de corpos de possíveis vítimas da covid aparecem na Índia
Campo Grande
Moradores de bairros reclamam de sujeira e insegurança em Campos Grande
Saúde
Após ultrapassar mais de seis mil mortes, MS registra 653 novos casos da Covid-19
Mato Grosso do Sul
Novos secretários da Casa Civil e da Cidadania tomam posse nesta segunda-feira