Menu
Busca Sáb, 11 de julho de 2020
(67) 9.9928-2002
Fronteira violenta

Empresário é morto com ao menos 20 tiros de calibre 9 milímetros em MS

Ele entrava na caminhonete dele quando foi morto. Caso foi em Ponta Porã.

09 setembro 2019 - 15h15Por G1

Um empresário de 55 anos foi morto com ao menos 20 tiros de calibre 9 milímetros na manhã desta segunda-feira (9), em Ponta Porã, a 328 quilômetros de Campo Grande, ma

Alberto José Koehler entrava na caminhonete dele, estacionada em um bairro de classe média da cidade, quando foi baleado. Há marcas de tiros na lataria e vidros de veículo.

A polícia investiga a motivação do crime e tenta identificar os suspeitos. Alberto José Koehler e a esposa são donos de transportadora no Paraguai.

 

Fronteira

A fronteira do Brasil com o Paraguai tem registrado muitas execuções ligadas ao tráfico de drogas. Esse ano, ao menos 61 pessoas foram mortas na região. Os confrontos intensificaram-se com a disputa entre facções criminosas pelo controle do tráfico na região. Em 2018, pelo menos 30 execuções estariam ligadas à guerra do tráfico.

A característica violenta da faixa de fronteira ganhou ares de guerra em 2016, após a morte do narcotraficante Jorge Rafaat, conhecido como "rei da fronteira", executado com tiros de metralhadora. O G1 traçou um panorama da disputa pelo tráfico na região que inclui nomes como Jarvis Pavão e Minotauro, traficantes que estão presos no Brasil.

Para tentar reduzir a violência, o governo do Paraguai inaugurou no dia 4 um sistema de monitoramento com 96 câmeras em Pedro Juan Caballero, vizinha a Ponta Porã. As câmeras foram colocadas em pontos estratégicos da cidade e 20 delas tem a tecnologia de reconhecimento facial ou de placas de veículos. Com informações, G1.

RACISMO NÃO!

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esporte
Natália Gaudio defende maior longevidade para atletas brasileiras
Bolsonaro e Coronavirus
Reabertura precoce transforma Brasília em epicentro da Covid-19
Saúde
Brasil passa de 70 mil mortes por coronavírus e supera 1,8 milhão de casos
Brasíl
Casos e mortes por coronavírus no Brasil em 10 de julho, segundo consórcio de veículos de imprensa (atualização das 8h)
Campo Grande
Trad remaneja 70 milhões de reais com conivência dos vereadores
Saúde
ESPECIAL-Bolsonaro aposta em "cura milagrosa" para salvar o Brasil, e própria vida, da Covid-19
Política
Maia diz que é grave Bolsonaro tratar de hidroxicloroquina e que políticos não devem recomendar remédios
Política
Ministro pede investigação da PF com base na Lei de Segurança Naciona
Polícia
Força tarefa da federal cumpre ordens judiciais contra executivos das lojas Ricardo
Brasíl
Bolsonaro veta obrigação do governo em oferecer água, produtos de higiene e leitos a indígenas