Menu
Busca Sb, 07 de dezembro de 2019
(67) 9.9928-2002
Polícia

Família unida na desgraça

01 dezembro 2019 - 09h09Por Boca torta jornalismo

Um homem, que não teve a identificação revelada pela polícia, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros depois de levar uma tijolada na cabeça na tarde deste sábado (30) no Jardim Noroeste em Campo Grande. A agressão teria sido resultado de uma confusão em família depois que a “vítima” esfaqueou o sogro após um desentendimento e fugiu.

Segundo a moradora Quesia Rodrigues Alves, de 27 anos, o homem procurou socorro em sua casa com a cabeça e roupas cobertas de sangue e sinais de embriaguez. O homem disse ter levado uma tijolada, e logo atrás dele, sua sogra pedia para ele sair da casa enquanto o ameaçava com uma peixeira e uma faca de cozinha.

“Vi a mulher atrás dele gritando: ‘Sai daí!’. Fiquei nervosa, passei até mal e quase não consegui chamar a polícia”, contou a testemunha em entrevista ao Jornal Midiamax.

Segundo informações, o homem é morador de Coxim, cidade a 253 km de Campo Grande, e teria vindo para a Capital com uma mulher recém separada e passou a morar com ela na casa dos “sogros”.

A Polícia Militar foi acionada e afirmou que o homem será encaminhado a Santa Casa de Campo Grande.

 

 

Com informações, midiamax

Deixe seu Comentário

Leia Também

ENERGISA
Energisa é campeã em desrespeito ao consumidor
Caso Daniel
A Justiça e uma coisa e Judiciário é outra coisa
Fronteira violenta
A cabeça foi cortada ao meio e estava com as outras partes do corpo no tambor.
Campo Grande
Para vender áreas públicas Trad vai acertar com vereadores
Campo Grande
Trad e seus vereadores remanejam 240 milhões
Campo Grande
Trad e suas taxas para o povo pagar
Fronteira
"Quero a cabeça de meu filho" disse a mãe desconsolada
Inflação
A carne foi o item que mais subiu o preço
Fronteira
Dois assassinatos nesta sexta na fronteira
Judiciário
O magistrado corrupto é um "câncer" no judiciário