Menu
Busca Qua, 23 de setembro de 2020
(67) 9.9928-2002
Crime

Homem com arma da polícia de Mato Grosso morre em Campo Grande em assalto

12 maio 2018 - 20h43Por Redação Notícias VIP
Uma sobaria foi assaltada por dois homens que chegaram de motocicleta e renderam clientes e funcionários, levando aparelhos celular e uma camionete S10 branca. O CIOPS (190) comunicou os policiais do Batalhão de Choque e eles foram até a saída para Sidrolândia, MS, na última sexta-feira (11).

Foi quando perceberam que vinha na direção deles uma camionete S10 branca com os faróis apagados e constataram que se tratava do veículo roubado. Foi dada ordem de parada com sinais luminosos e sonoros mas o motorista fugiu em alta velocidade na rodovia sentido Sidrolândia, e o Batalhão de Choque pediu reforços e deu início a perseguição.

O motorista da camionete atirou contra os policiais e os tiros foram revidados, o condudor perdeu o controle do veículo, saiu da pista e bateu contra uma árvore. Quando os policiais desembarcaram e se aproximaram, o homem saiu da camionete com a arma em punho e novamente disparou contra a equipe, que repeliu a agressão.

Foi verificado que o mostorista estava ferido, os bombeiros foram chamados mas o homem morreu a caminho do hospital. O veículo foi encaminhado à DEFURV junto com uma pistola calibre ".40" com o brasão da Polícia Civil do Estado de Mato Grosso. O homem não tinha consigo nenhum documento e até o momento não foi identificado.
news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Rio de Janeiro
Vai vendo ...
Mundo
Torre Eiffel é esvaziada em Paris Informação é da equipe de imprensa da torre
Brasil
Elias Maluco é encontrado morto dentro de cela
Campo Grande
Mulher é encontrada morta com ferimentos graves dentro do banheiro no fundo de um salão de cabeleireiros
Fronteira
Foram presos contrabandistas, entre eles um dos policiais da Operação Omertà.
Brasil
Quase uma tonelada de maconha nos fundos de igreja
Saúde
Campo Grande tem 28.593 casos e 463 novos óbitos
Paranaíba
Filho que bate em mãe, se dá muito mal.
Brasíl
Nem Moro, Nem Azevedo, Nem Bolsonaro e nem Marito , eles todos não conseguiram dar garantias de segurança na fronteira" disse jornalista paraguaio.
Brasilia
Ao STF, Aras diz que decisão sobre reeleição de comandos da Câmara e Senado é assunto interno