Menu
Busca Qui, 24 de setembro de 2020
(67) 9.9928-2002
Justiça

Homem é condenado a 15 anos de prisão por abusar e engravidar filha adotiva de 11 anos

10 maio 2018 - 15h12Por Redação Notícias VIP
Um homem que abusou sexualmente e engravidou a filha adotiva de 11 anos, em Matosinhos, no distrito do Porto, nesta quinta-feira foi condenado a 15 anos de prisão. Além disso, o arguido foi sentenciado pelo coletivo de juízes do Tribunal de Matosinhos a pagar uma indemnização de 60 mil euros à menina.

Apesar desta pena efetiva, o homem, de 44 anos, continua em liberdade, mantendo a medida de coação a que está sujeito "termo de identidade e residência e proibição de contactar e de se aproximar da filha " até a decisão transitar em julgado. No final da leitura da decisão judicial, a procuradora do Ministério Público (MP) requereu que se decretasse prisão preventiva atendendo ao perigo de fuga e à perturbação da ordem pública, mas o magistrado entendeu que "nada indicia" perigo de fuga.

Devido à concentração de amigos e familiares da menor à porta do tribunal, o homem teve de sair acompanhado pela PSP. A acusação, dada quase toda como provada, relata que a menor, adotada pelo casal em 2014, começou a ser abusada sexualmente pelo pai desde essa altura até 2017, ano em que se descobriu que estava grávida, tendo posteriormente abortado.

As relações sexuais, que aconteciam quando a mãe não estava em casa, geralmente ao sábado, foram filmadas pelo arguido que, depois, as exibiu à filha. Além desta menina, o casal tem ainda uma outra filha adotiva, portadora de uma deficiência. O presidente do coletivo adiantou que em audiência de julgamento, que decorreu à porta fechada dado tratar-se de crimes sexuais, o arguido confessou a quase totalidade dos factos, sublinhando a evidência da prova e as imagens disponíveis no processo.

Dizendo que a menor sofre de perturbação emocional e desassossego, o juiz vincou que o homem mostrou total desprezo pelo bem-estar da filha. À saída do tribunal, o advogado da mãe da menor, João Azevedo, considerou a decisão juridicamente correta, falando numa pena dura para um comportamento duro. "Agora, o que é mais difícil para a menor é vê-lo em liberdade", frisou.

Com informação do Observador
news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Corrupção
Operação da PF apura desvios no SUS de mais de R$ 2 milhões Ao todo 10 mandados de busca e apreensão foram cumpridos no RS e ES
Brasíl e Mundo
Tóquio exigirá testes de covid-19 para atletas, mas não quarentena
Brasíl e Mundo
Time coloca Bolsonaro entre 100 mais influentes e o responsabiliza por mortos na pandemia e crise ambiental
Saúde
J&J inicia estudo final de vacina contra Covid-19 em 60 mil voluntários
Vacina contra Covid 19
Polícia
"Argumento para lacrar bancas do bicho é ocupação de calçadas sem autorização " disse site de notícias.
Rio de Janeiro
"Vai vendo ... Witzel faltou algumas aulas do prefeito Crivella " disse a fonte
Mundo
Torre Eiffel é esvaziada em Paris Informação é da equipe de imprensa da torre
Brasil
Elias Maluco é encontrado morto dentro de cela
Campo Grande
Mulher é encontrada morta com ferimentos graves dentro do banheiro no fundo de um salão de cabeleireiros
Fronteira
Foram presos contrabandistas, entre eles um dos policiais da Operação Omertà.