Menu
Busca Sex, 15 de janeiro de 2021
(67) 9.9928-2002
POLÍCIA

Marido atira em cabeça de mulher grávida após discussão

Por Carol Assis
Um homem de 39 anos, conhecido como Carioca, atirou na cabeça de sua esposa de 18 anos, que está grávida, durante uma discussão entre o casal na noite de terça-feira (1º), em Maracaju. Depois de disparar contra a mulher, o homem ainda deu dois tiros no cunhado, que estava na casa durante a discussão.

Carioca atirou contra o rosto da jovem. A bala entrou pelo nariz e ficou alojada na cabeça. Após ver a irmã ferida a tiros caída no chão, o rapaz correu atrás do cunhado que fugia pelas ruas da cidade. Os dois lutaram e Carioca atirou duas vezes contra o cunhado, acertando o pescoço e ombro.

Populares acionaram o Corpo de Bombeiros, que socorreu a vítima a levando para uma unidade de saúde da região. Quando era socorrido, o rapaz perguntou pela irmã que estava ferida, momento em que outra ambulância foi enviada para o socorro. A jovem foi transferida para a Santa Casa de Campo Grande devido à gravidade dos seus ferimentos.

De acordo com o site Maracaju Speed, Carioca ostentava em redes sociais um revólver. Não há informações se ele foi localizado pela polícia.

 
violência contra a mulher 2

Deixe seu Comentário

Leia Também

Bonitão do PCC
Após pedido do MPF, Bonitão do PCC é removido para Presídio Federal
Campo Grande
Fiat Uno cai no córrego na Ernesto Geisel esquina com Manoel da Costa Lima
Brasíl
Covid-19: Brasil tem 8,39 milhões de casos e 208,1 mil mortes
Oportunidade
Eldorado Brasil abre 800 vagas de emprego em três unidades de MS
Colapso
Manaus vai transferir 235 pacientes com covid-19 para oito estados
Covid 19
São Paulo retorna a fases mais restritivas de plano contra a covid-19
Covid 19 em MS
MS chega à metade de janeiro com 272 mortes por Covid-19
Sangue
Com estoque em 14%, Hemosul convoca doadores de O- e outras tipagens sanguíneas
Campo Grande
Enfermeiros foram mortos por Covid 19 na Santa Casa de Campo Grande
Campo Grande
Trad está omitindo-se de combater os focos de Dengue na capital