Menu
Busca Sáb, 31 de outubro de 2020
(67) 9.9928-2002
Luz da Infância II

Operação de combate à pornografia infantil prende homem de 32 anos na Capital

17 maio 2018 - 11h19Por Redação Notícias VIP
A Operação Luz da Infância II realizada na manhã desta quinta-feira (17) já prendeu quatro pessoas em flagrante no Mato Grosso do Sul em menos de uma hora de ação. Um homem de 32 anos está entre os presos. 

O suspeito chegou a delegacia em uma viatura da Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos), escoltado por policiais do Garras (Grupo Armado de Resgate e Repressão a Assaltos e Sequestros). Segundo informações preliminares, foi preso em casa, no Bairro Chácara Cachoeira, em Campo Grande.

As ações acontecem que quatro cidades de Mato Grosso do Sul, cumprem nove mandados de busca e apreensão e já resultaram na prisão de cinco pessoas.

Nas primeiras horas desta quinta-feira (17), um engenheiro de 27 anos foi preso em flagrante no bairro Coophavila 2, na região sul da cidade. Equipamento eletrônicos foram apreendidos no local do flagrante e levados a DEPCA (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente).

Na Capital, equipes da Polícia Civil se dividiram em cinco endereços para cumprir mandados de busca e apreensão. Conforme informações preliminares, um policial civil é um dos alvos da operação, e por conta disso, equipes da Corregedoria participam das buscas.

Segundo o delegado Marília de Brito, que coordena a operação em MS, são cumpridos cinco mandados na Capital e quatro no interior do Estado. Além dos dois flagrantes na Capital, foram detidos três suspeitos no interior, um em cada cidade onde as ações acontecem: Dourados, Glória de Dourados e Naviraí.

Operação - Denominada Luz da Infância 2, a ação é coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública. De acordo com informações do G1 do Rio de Janeiro, cerca de 2,6 mil policiais civis participam da ação. Segundo a imprensa nacional, a operação já somam mais de 100 prisões.

As equipes estão atrás de recolher materiais e arquivos com conteúdos relacionados a crimes de exploração sexual contra crianças e adolescentes. Quem for pego com posse dessas mídias é preso em flagrante.

Os alvos foram identificados pela Diretoria de Inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública, com base em elementos informativos coletados em ambientes virtuais, que apresentavam indícios suficientes de autoria e materialidade delitiva.

Com informações do Campo Grande News
news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil e Mundo
Turquia busca sobreviventes após terremoto deixar 25 mortos no país
Brasil
Caixa libera hoje saque do FGTS para nascidos em setembro e outubro
Brasil
Feriado do dia 2 aumenta em 40% movimentação nos aeroportos
Geral
INSS inicia pagamento de diferenças do auxílio Segundo o órgão, 497 mil segurados estão aptos a receber os valores
Saúde
Brasil registra 508 novas mortes por Covid-19 e total de óbitos vai a 159.477
Brasil
Contas públicas têm déficit de R$ 64,5 bilhões em setembro, diz BC
Judiciário
Justiça do RJ condena desembargadora a pagar indenização por calúnia contra Marielle
Brasil e Mundo
Congresso da Bolívia aprova recomendação de processo contra presidente Jeanine Ánez
Brasil
Mourão aposta que governo comprará vacina chinesa: “Lógico que vai”
Internacional
Milhares de muçulmanos protestam contra comentários de Macron