Menu
Busca Qua, 12 de maio de 2021
(67) 9.9928-2002
Presídio

Presos se recusam a voltar as celas após banho de sol na Máxima

18 abril 2018 - 16h06Por Redação Notícias VIP
Os presos do Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande se recusam a voltar para celas nesta quarta-feira (18) depois do banho de sol. Eles saíram às 8h30 e deveriam voltar as celas às 11h. Contudo, estão neste momento reunidos no pátio da unidade penal. Segundo a reportagem apurou, também há registros de problemas nos presídios nos presídios de Corumbá, Dourados e Três Lagoas.

Em Campo Grande, moradores vizinhos ao presídio afirmam que mais cedo eles ouviram os detentos batendo nas grades das celas. Algumas famílias chegaram a ir até o presídio, mas não foram informados o que estava acontecendo.

As primeiras informações são de que pelo menos cinco portas da unidade penal foram quebradas. Uma viatura da Força Tática da Polícia Militar está no local. 

Estado - A Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) informou que deve se manifestar sobre a situação por meio de nota ainda nesta tarde. A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garante que os presos já estão em nas celas.

Em Dourados, uma operação pente-fino foi realizada nesta manhã. A unidade, nos últimos dias, teve dois presos encontrados mortos por enforcamento.
news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tempo e temperatura
MS tem predomínio de tempo seco e calor de 36°C para a região pantaneira
Covid 19
Dezenas de corpos de possíveis vítimas da covid aparecem na Índia
Campo Grande
Moradores de bairros reclamam de sujeira e insegurança em Campos Grande
Saúde
Após ultrapassar mais de seis mil mortes, MS registra 653 novos casos da Covid-19
Mato Grosso do Sul
Novos secretários da Casa Civil e da Cidadania tomam posse nesta segunda-feira
Campo Grande
Infestação de pragas urbanas alarma moradores de Campo Grande
Vacina
Mato Grosso do Sul recebe novo lote de vacina da Pfizer nesta segunda-feira
F1
Hamilton sobre GP da Espanha de F1: “Aprendi muito sobre Max hoje”
Poluição
Marinha: três navios são suspeitos por manchas de óleo no NE em 2019
Saúde
Fiocruz: pandemia de covid-19 faz vítimas cada vez mais jovens