Menu
Busca Qui, 25 de fevereiro de 2021
(67) 9.9928-2002
Presídio

Presos se recusam a voltar as celas após banho de sol na Máxima

18 abril 2018 - 16h06Por Redação Notícias VIP
Os presos do Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande se recusam a voltar para celas nesta quarta-feira (18) depois do banho de sol. Eles saíram às 8h30 e deveriam voltar as celas às 11h. Contudo, estão neste momento reunidos no pátio da unidade penal. Segundo a reportagem apurou, também há registros de problemas nos presídios nos presídios de Corumbá, Dourados e Três Lagoas.

Em Campo Grande, moradores vizinhos ao presídio afirmam que mais cedo eles ouviram os detentos batendo nas grades das celas. Algumas famílias chegaram a ir até o presídio, mas não foram informados o que estava acontecendo.

As primeiras informações são de que pelo menos cinco portas da unidade penal foram quebradas. Uma viatura da Força Tática da Polícia Militar está no local. 

Estado - A Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) informou que deve se manifestar sobre a situação por meio de nota ainda nesta tarde. A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garante que os presos já estão em nas celas.

Em Dourados, uma operação pente-fino foi realizada nesta manhã. A unidade, nos últimos dias, teve dois presos encontrados mortos por enforcamento.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasília
STJ desmembra processo para acelerar julgamento de Reinaldo por corrupção
Com decisão, os outros 23 denunciados com o governador de Mato Grosso do Sul serão julgados pela Justiça Estadual
Covid 19 em MS
Número de pacientes contaminados pelo novo coronavírus continua crítico
Covid 19 em MS
Com um mês do início da campanha de vacinação contra a Covid-19, idosos comemoram imunização
Agricultura
La Niña pode se estender até a primavera e os efeitos impactam no agro
Assistência Social
‘MS é referência para o país na política de assistência social e direitos humanos’ diz secretária Nacional de Proteção Global
Corrupção
Ex-desembargador é preso no Cocó no caso de venda de sentenças
Segundo a corporação, o magistrado já foi condenado em definitivo pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) na Operação Expresso 150, que apura esquema de venda de liminares durante plantões do TJ-CE
Interior
Operação tapa-buraco na MS-040 deve terminar na próxima semana
Interior
Com mais quatro frentes de obras, Estado soma mais de R$ 350 milhões de investimentos na infraestrutura de Dourados
Sangue
Quem já vacinou contra covid-19, pode doar sangue entre dois e sete dias
Mato Grosso do Sul
Sábado com céu de brigadeiro em Mato Grosso do Sul