Menu
Busca Sáb, 04 de abril de 2020
(67) 9.9928-2002
MORTE NA CASERNA

Sargento invade casa da ex-amada, encontra soldado no lugar e é morto com 4 tiros

22 março 2018 - 14h28Por Redação Notícias VIP

Mais um assassinato em Várzea Grande. Agora foi de um militar e nada de confronto com marginais. A morte aconteceu na sala de um residência no Jardim Marajoara e o motivo foi a disputa por uma mulher. Quem morreu foi o sargento José Carlos, do 25º Batalhão, alvejado quatro vezes por um soldado da corporação, B. Filho, que fugiu após os disparos, avisando que vai se apresentar depois de 48 horas, quando acabar o período de flagrante. 

Inconformado com a separação, o sargento José Carlos vivia procurando a ex-mulher para reatar o relacionamento e sempre ouvindo não. Na noite desta quarta-feira, ele resolveu agir de forma inusitada. Foi até a casa a amada e ao invés de chamar no portão resolveu pular o muro. Ao entrar na sala, uma surpresa a mulher já tinha colocado outro em sua residência e para complicar também militar, só que de patente mais baixa, um soldado. 

Os dois militares começaram a discutir até que o soldado B.Filho pegou sua arma e efetuou quatro disparos na direção do sargento, que não teve tempo de reagir, caindo morto ali mesmo. 

A Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) foi ao local para iniciar as investigações, quando foi informada que o soldado prometeu se apresentar, no 4º Batalhão, onde presta serviço, assim que terminar o período de flagrante, ou seja em 48 horas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Em tempo de Coronavirus os políticos se estranham no governo Bolsonaro
Campo Grande
Trad faliu comerciantes da capital
Campo Grande
Prefeito da Capital faz suposta pré-campanha eleitoral e improbidade administrativa ao distribuir cestas basicas.
Brasil e Mundo
Covid-19: Tóquio registra mais de 100 casos em um único dia
São Paulo
Óbitos em São Paulo pelo novo coronavírus triplicaram em uma semana
Coronavirus
Benefício de R$ 600 a informais começará a ser pago semana que vem
Corrupção no judiciário
Desembargador é denunciado por venda de decisão
Política
Maia quer votar orçamento paralelo em dois turnos na próxima semana
Campo Grande
Marcos Trad fecha unidade de Saúde e deixa 6 mil sem atendimento.
Campo Grande
Ruas esburacadas e sem iluminação pública, desanima moradores da Capital.