Menu
Busca Seg, 16 de setembro de 2019
(67) 9.9928-2002
POLÍTICA

Alice Portugal diz que oposição pode pedir anulação de eleições presidenciais de 2018

14 junho 2019 - 14h45

A deputada federal Alice Portugal (PCdoB-BA) defendeu nesta sexta-feira (14) que as eleições de 2018, que culminaram na vitória de Jair Bolsonaro, sejam anuladas.

De acordo com ela, a bancada de oposição vai analisar a possibilidade de ingressar na Justiça com um pedido de nulidade do pleito.

“Tudo leva a um pedido de anulação dessas eleições, que foram conduzidas por fake news, controle de dados e ações no interior do Judiciário e do Ministério Público”, declarou, durante ato da Greve Geral, que acontece nesta manhã em várias regiões do país. 

Alice também disse que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deveria liberado, já que diálogos entre o ex-juiz Sergio Moro e o coordenador da força-tarefa da Lava Jato Deltan Dallagnol, revelados pelo site The Intercept Brasil, mostram que não houve imparcialidade do agora ministro da Justiça na condenação do petista. 

“As conversas demonstram que o juiz tinha lado, que ele foi o coordenador do processo de concatenação de dados nem sempre concatenados para levar à prisão Lula e outros. Esse processo é nulo de direito, e isso quem vai dizer é o Supremo Tribunal Federal. E, se é nulo de direito, Lula precisa ser solto”, afirmou.

 

Com informações, BR News.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ciumes
Jogador de basquete é morto por casal de adolescentes
LUTO
Corpo do cantor Roberto Leal é sepultado em São Paulo
246 KG
Com 246 kg, homem pede socorro e inicia tratamento para fazer cirurgia: 'Não consigo sair com minha família'
Redemoinho de fogo?
Meteorologia ou revolta da natureza?
Economia
Preço do petróleo sobe após ataques na Arábia Saudita
Campo Grande
É o "civismo" pré-campanha eleitoral dos Vereadores da capital.
Sequestro
Pai pede para segurar bebê e sequestra criança em praça em MS
Interior
Fogo atinge fazenda de Bodoquena e avança em direção à área urbana
50 TIROS
Casal e criança são mortos com cerca de 50 tiros, em Ponta Grossa
Política
Bolsonaro fala sobre julgamento envolvendo autor de facada