Menu
Busca Sáb, 23 de janeiro de 2021
(67) 9.9928-2002
Politicos

"Bolsonaro é burro demais, não governa o Brasil" disse prefeito de Manaus.

25 maio 2020 - 18h02Por Plantão de notícias

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), criticou nesta segunda-feira (25) a postura do presidente Jair Bolsonaro diante da pandemia do novo coronavírus. Em entrevista à CNN, Virgílio afirmou que o presidente “tem cumplicidade com as mortes de coronavírus no Brasil”.

“Ele é responsável. Seu sonho é fazer uma ditadura, mas ele é burro demais”, disse o prefeito de Manaus. “Não sei explicar como um homem de tão baixa qualificação se tornou presidente de um país de 210 milhões”, acrescentou.

Para o prefeito de Manaus, Bolsonaro “não governa o Brasil”. “Senhor presidente Bolsonaro, por favor, cale a boca e fique em casa. Se demita. Ele não governa o Brasil”, disse em entrevista à CNN.

 

 

 

Com isto é

pedofilia

Deixe seu Comentário

Leia Também

Covid 19 em MS
Boletim Covid-19 deste sábado registra óbitos em 12 municípios
Alimentação
Governo federal se compromete com isenção de exportações para o PMA
Educação
O que é preciso saber para o segundo dia do Enem
Campo Grande
Marquinhos Trad cobra impostos e taxas da população de Campo Grande e não realiza serviços públicos.
Vacina
Fiocruz libera neste sábado distribuição de vacina aos estados
Tempo e temperatura
Meteorologia prevê sábado com pancadas de chuva e máxima de 33°C
Nioaque
Prefeito de Nioaque é o primeiro a ser investigado por tomar vacina destinada a indígenas
Judiciário
Em posse do TJMS, Reinaldo Azambuja destaca importância do Poder Judiciário no combate à pandemia
Vacina
Amazonas receberá cota extra de vacinas para frear pandemia
Brasíl
Número de casos de covid-19 chega a 8,75 milhões no Brasil Doença já fez mais de 215 mil vítimas