Menu
Busca Qua, 28 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002
CIÊNCIA E RELIGIÃO

Marcos Pontes sobre Damares: “não se deve misturar ciência e religião”

Declaração do ministro rebate fala da atual chefe da pasta de Direitos Humanos, Damares Alves, sobre teoria da evolução nas escolas

10 janeiro 2019 - 10h45

Depois de vir à tona um vídeo em que a ministra da Mulher, Família e Diretos Humanos, Damares Alves, diz que a “igreja evangélica perdeu espaço na História ao deixar a teoria da evolução entrar nas escolas”, o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, rebateu a declaração dizendo que “não se deve misturar ciência com religião”. A declaração foi feita durante entrevista à Rádio CBN.

A avaliação de Damares sobre o assunto circulou na internet esta semana. O vídeo com as declarações foi gravado em 2013. Nas imagens da entrevista, quando perguntada sobre o papel da Igreja e dos fiéis na política, ela deu a entender que os evangélicos precisavam “ocupar a ciência”.

Na época, Damares era funcionária do gabinete do então deputado Arolde Oliveira (PSD), eleito senador em 2018 pelo estado do Rio de Janeiro. Ele ocupou o cargo após nove mandatos como deputado federal.

Ao ser questionado sobre a declaração da ministra, Marcos Pontes respondeu que não sabe exatamente qual foi o contexto da conversa na entrevista. “Do ponto de vista da ciência, são muitas décadas de estudo pra formar a teoria da evolução, de Darwin em diante”, disse.

 

 

 

 

 

 

 

 

fonte:metropoles

 

violência contra a mulher

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mato Grosso do Sul
Inscrições prorrogadas para a segunda edição do Prêmio Inova
Oportunidade
Estão abertas as inscrições para curso de idiomas na UEMS
Brasília
PP não vai aceitar filiação de Bolsonaro
Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana