Menu
Busca Sex, 30 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002
POLITICA

QUANDO A REFERÊNCIA É BOLSONARO, É FÁCIL UM MOURÃO SOAR MODERADO, DIZ ELIANE BRUM

Em artigo publicado no El País, Eliane Brum aponta o general Hamilton Mourão tem sido alvo de criticas de aliados do presidente Jair Bolsonaro; o motivo é que quando assume interinamente presidência, Mourão tem demonstrado habilidades que o presidente el

30 janeiro 2019 - 18h20

Em artigo publicado no El País, a jornalista Eliane Brum afirma que a volta dos generais ao poder no governo de Jair Bolsonaro (PSL), "vai virando o bode na sala".

A escolha do general da reserva Hamilton Mourão como vice, segundo ela, "atendia ao requisito exposto pelo terceiro filho, o de proteger o presidente, a partir da sombra das Forças Armadas".

No entanto, Eliane aponta que esse escolha tem sido alvo de criticas de aliados do presidente eleito. Isso porque ao assumir interinamente a presidência, Mourão tem demonstrado habilidades e a comparação com Bolsonaro o deixa em clara desvantagem, principalmente no que diz respeito ao trato com a imprensa.

"O 'faca na caveira' é elogiado por diplomatas como o embaixador da Alemanha, que diz ter tido uma conversa 'excelente' com Mourão, e manda afagos à imprensa pelo Twitter, a mesma rede social em que a família Bolsonaro ataca os jornalistas, algo que funcionou na campanha mas está dando sinais de esgotamento", lembra a jornalista.

Mas ela alerta: "Tudo é uma questão de referência. E, quando a referência é Bolsonaro, é fácil um Mourão soar moderado. Em caso de naufrágio, qualquer tábua de pinho vira navio". Com informações Brasil 247.

vacina sim

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mato Grosso do Sul
Inscrições prorrogadas para a segunda edição do Prêmio Inova
Oportunidade
Estão abertas as inscrições para curso de idiomas na UEMS
Brasília
PP não vai aceitar filiação de Bolsonaro
Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana