Menu
Busca Dom, 16 de maio de 2021
(67) 9.9928-2002
RESTRIÇÃO

Toffoli quer fim do foro para autoridades do Executivo e Judiciário

09 maio 2018 - 13h04Por Redação Notícias VIP
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli deve propor aos colegas de Corte a extensão da restrição ao foro para outras autoridades, a exemplo de integrantes dos poderes Executivo e Judiciário, além de declarar inconstitucionais leis estaduais que protejam autoridades locais.

Na semana passada, os ministros do Supremo decidiram restringir o foro para deputados e senadores, que só responderão a processos na Corte quando forem relacionados a crimes cometidos durante o mandato e relacionados ao cargo.

De acordo com informações da coluna Painel, da Folha de São Paulo, Toffoli contou a pessoas próximas, durante jantar nessa terça-feira (8), em Brasília, que levará ao plenário duas propostas de súmulas vinculantes sobre o tema.

Com as medidas, o ministro quer pôr fim às críticas de que a corte promoveu uma restrição seletiva do acesso ao foro especial. Até agora, apesar de cerca de 55 mil autoridades terem foro privilegiado, as mudanças só valerão para 594 delas: 81 senadores e 513 deputados federais.

O julgamento no STF começou em maio do ano passado e foi suspenso por um pedido de vista exatamente de Toffoli. Tanto ele quanto Gilmar Mendes avaliaram, na última semana, que o foro deveria ser extinto definitivamente, para todos os cargos.

Após o julgamento, o ministro relator do caso, Luís Roberto Barroso, declarou que espera que essa mudança, inicialmente pequena, seja o começo de um amplo debate sobre o foro privilegiado para as demais autoridades.

O caso concreto que motivou o debate envolve o prefeito do município de Cabo Frio, no Rio de Janeiro, Marquinho Mendes, do MDB. Ele era investigado por compra de votos, quando assumiu, como suplente, a vaga de deputado federal de Eduardo Cunha, que tinha sido afastado do cargo.
news

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS
Alegação de vendas de veículos cresce 16% no Estado, aponta dados do Detran
Política
Produtores rurais de Campo Grande e região participam de manifestação pró-Bolsonaro em Brasília
MS
Rio Verde está na rota de eventos esportivos de aventura da Fundesporte
Falecimento
Eva Wilma morre em São Paulo, aos 87 anos Atriz estava internada desde 15 de abril
Tempo
Domingo de tempo firme e grande amplitude térmica em Mato Grosso do Sul
São Paulo
Bruno Covas perde luta contra o câncer e morre
Tempo e temperatura
MS tem predomínio de tempo seco e calor de 36°C para a região pantaneira
Covid 19
Dezenas de corpos de possíveis vítimas da covid aparecem na Índia
Campo Grande
Moradores de bairros reclamam de sujeira e insegurança em Campos Grande
Saúde
Após ultrapassar mais de seis mil mortes, MS registra 653 novos casos da Covid-19