Menu
Busca Sex, 18 de setembro de 2020
(67) 9.9928-2002
SAÚDE

Vítima de infarto, vice-prefeito do Rio está em estado grave

16 maio 2018 - 13h03Por Redação Notícias VIP
O vice-prefeito do Rio de Janeiro, Fernando Mac Dowell, está internado em estado grave no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, vítima de um infarto.

De acordo com boletim médico divulgado pelo hospital, Mac Dowell deu entrada na unidade de saúde no último domingo (13), em razão de um infarto do miocárdio extenso. O paciente passou por uma angioplastia coronariana de emergência e segue internado em estado grave.
Trajetória
Fernando Mac Dowell é especialista na área de transportes. Participou da concepção da Ponte Rio-Niterói, da Linha Vermelha e do metrô do Rio.

Pai de quatro filhos, Mac Dowell, de 71 anos, cursou engenharia na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Atualmente é professor da Pontifícia Universidade Católica (PUC) do estado. Ele participou do segundo governo de Leonel Brizola, de 1991 a 1994.

Antes, trabalhou no Geipot, empresa de transportes criada em 1965 pelo regime militar. Exerceu, no começo da década de 80, a função de diretor do metrô carioca, quando a Linha 1 começava a funcionar, durante o governo Chagas Freitas.

 
news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Brasil acumula 4,4 milhões de casos e 135 mil mortes por covid-19
Meio Ambiente
Nuvem de fumaça provocada por queimadas no Pantanal chega ao céu de São Paulo
Brasil
Fumaça do Pantanal faz avião de Bolsonaro arremeter em MT
Três Lagoas
Fogo destrói vegetação, floresta de eucalipto e interdita rodovia em MS
Brasil
Tite convoca a Seleção Brasileira para a estreia nas Eliminatórias
Geral
Do outro lado do balcão De ex-juiz Federal a ex-ministro da Justiça, agora Sergio Moro é o mais "jovem" advogado do Brasil.
Saúde
Uma de 7 infecções de Covid-19 relatadas ocorre em profissionais de saúde, diz OMS
Brasíl
Marco Aurélio suspende inquérito que apura suposta interferência na PF
Brasíl
829 mortos por Covid 19 e 36.330 novos casos de contaminados
STF
COVID NOS PRESÍDIOS Fux renova Recomendação 62 por 6 meses e restringe alcance