Menu
Busca Dom, 29 de novembro de 2020
(67) 9.9928-2002
Covid 19

França e Alemanha impõem novos lockdowns para conter segunda onda de Covid-19

28 outubro 2020 - 15h00Por Plantão jornalístico NV

BERLIM/PARIS (Reuters) - O presidente francês, Emmanuel Macron, afirmou em pronunciamento ao país que o novo lockdown nacional, que se inicia na sexta-feira, irá permanecer em vigor até 1º de dezembro para frear a disseminação exponencial do coronavírus.

As novas medidas anunciadas significam que os franceses precisarão ficar em casa, a não ser para comprar produtos essenciais, buscar atendimento médico ou para exercícios físicos por um período de até uma hora.

Qualquer pessoa que deixar sua casa precisará portar um documento especial, que poderá ser checado pela polícia, para justificar a saída, afirmou Macron.

Macron determinou que restaurantes, cafés, e lojas que não comercializam produtos essenciais precisarão ficar fechadas pelas próximas duas semanas.

Além da França, a Alemanha anunciou a imposição de medidas restritivas em todo país na quarta-feira. A notícia de que as duas maiores economias da Europa estavam novamente se fechando parcialmente derrubou os mercados financeiros globais, e acontece após a Irlanda ter adotado medidas no mesmo sentido, ainda que menos drásticas, na semana passada.

Na França, as pessoas ainda serão permitidas a trabalhar caso seus empregadores considerem ser impossível o trabalho de casa, e --em rompimento com as restrições adotadas em março-- as escolas continuarão abertas, disse Macron em seu pronunciamento.

“O vírus está circulando em uma velocidade que não era prevista nem pelos mais pessimistas”, disse Macron. “Estamos todos na mesma posição: tomados por uma segunda onda que sabemos que será mais dura e mais letal que a primeira”.

Por Reuters

violência contra a mulher 2

Deixe seu Comentário

Leia Também

Fama
Mike Tyson e Roy Jones Jr, com mais de 50 anos, fazem luta de exibição e viram foco do mundo esportivo.
STF
Moraes, do ST, prorroga por mais 60 dias inquérito que investiga possível interferência de Bolsonaro na PF
Campo Grande
Tiros, facadas e espancamento: Campo Grande tem fim de semana mais violento do mês
Só entre a noite de sábado e a madrugada de domingo, quatro homens foram assassinados na Capital
Fronteira
Preso brasileiro suspeito de assassinato de quatro homens de Fahd Jamil
Campo Grande
Último Autocine deste ano apresenta clássico espírita “Nosso Lar”
Fórmula 1
GP do Barein: Hamilton vence após acidente brutal de Grosjean e capotagem de Stroll
Indigenas
Empresas de SC e RS contratam 5 mil indígenas do Estado para a colheita da maçã
Campo Grande
Covid-19: aumento no número de casos coloca 31 municípios em grau de risco no Prosseguir
Brasíl
Maia: combate ao racismo deve ser agenda prioritária do Parlamento
Fórmula 1
Romain Grosjean sofre acidente assustador com fogo após largada do GP do Barein.