Menu
Busca Qua, 23 de setembro de 2020
(67) 9.9928-2002
Campo Grande

Hospital Regional não tem vaga na UTI, saúde está entrando em colapso na capital.

Enquanto isso as autoridades se divertem, com o que nesse sabe?

02 agosto 2020 - 20h34Por Plantão de notícias

Pelo segundo dia consecutivo o Hospital Regional de Campo Grande, referência no tratamento da covid-19, está com lotação máxima de leitos destinados à pacientes diagnosticados com a doença. A situação preocupa porque a unidade recebe pacientes de várias cidades do Estado

Em boletim divulgado no domingo (2) o HR informou que dos 91 leitos críticos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), todos estão ocupados e não há mais espaço para receber novos pacientes.

Desde o início da pandemia, o hospital recebeu 796 pacientes com o novo coronavírus. Do total, 102 não resistiram e morreram e 154 seguem internados.

Dados da SES (Secretaria Estadual de Saúde) mostram que em Mato Grosso do Sul são 26.003 infectados e 404 mortos pelo novo coronavírus. 

 

Fonte: campo Grande news

RACISMO NÃO!

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Campo Grande tem 28.593 casos e 463 novos óbitos
Paranaíba
Filho que bate em mãe, se dá muito mal.
Brasíl
Nem Moro, Nem Azevedo, Nem Bolsonaro e nem Marito , eles todos não conseguiram dar garantias de segurança na fronteira" disse jornalista paraguaio.
Brasilia
Ao STF, Aras diz que decisão sobre reeleição de comandos da Câmara e Senado é assunto interno
Brasíl
Brasil acumula 4,55 milhões de casos e 137,2 mil mortes por covid-19
Rio Verde de Mato Grosso
Prefeito se envolve em confusão e foi filmado onde um outro homem aparece com arma na mão.
Brasíl
Agência Brasil explica o que é o Sistema S
Brasíl
Trabalhadores nascidos em dezembro recebem hoje crédito do FGTS Pagamento é feito por meio da conta poupança digital da Caixa
Brasíl
Fantástico: incêndio no Pantanal , investigação da PF e imagens de satélite indicam que a tragédia começou em 4 fazendas pertencente ao homem bomba da corrupção em Mato Grosso do Sul
Brasíl
Estudo da FGV aponta que pandemia provocou queda de renda de 20,1%