Menu
Busca Sáb, 23 de janeiro de 2021
(67) 9.9928-2002
Saúde

Mandeta reclama e quer orientação única contra o Coronavirus

Mandeta disse que está no cargo por nomeação de Bolsonaro, deixando no ar que pode ser demitido a qualquer momento.

12 abril 2020 - 22h39Por Plantão de Noticias

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou hoje que espera "uma fala unificada e o fim da dubiedade" entre suas orientações e as do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a respeito das medidas de combate à expansão da pandemia do novo coronavírus.

"Isso leva para o brasileiro uma dubiedade, ele não sabe se ele escuta o ministro da saúde ou se escuta o presidente da República", afirmou em entrevista veiculada ao programa "Fantástico", da TV Globo.

O ministro disse que o isolamento social vai ser importante para o resultado a ser obtido pelo Brasil no enfrentamento à Covid 19.

violência contra a mulher

Deixe seu Comentário

Leia Também

Covid 19 em MS
Boletim Covid-19 deste sábado registra óbitos em 12 municípios
Alimentação
Governo federal se compromete com isenção de exportações para o PMA
Educação
O que é preciso saber para o segundo dia do Enem
Campo Grande
Marquinhos Trad cobra impostos e taxas da população de Campo Grande e não realiza serviços públicos.
Vacina
Fiocruz libera neste sábado distribuição de vacina aos estados
Tempo e temperatura
Meteorologia prevê sábado com pancadas de chuva e máxima de 33°C
Nioaque
Prefeito de Nioaque é o primeiro a ser investigado por tomar vacina destinada a indígenas
Judiciário
Em posse do TJMS, Reinaldo Azambuja destaca importância do Poder Judiciário no combate à pandemia
Vacina
Amazonas receberá cota extra de vacinas para frear pandemia
Brasíl
Número de casos de covid-19 chega a 8,75 milhões no Brasil Doença já fez mais de 215 mil vítimas